terça-feira, novembro 09, 2010

Divagações

Conheço cada vez melhor aquilo que de mim se despede e não regressa, e aquilo que nasce algures onde já não estou ...


Um comentário: