sábado, maio 21, 2011

Os sentimentos mais fortes e mais ousados acabam por se desvanecer com os equívocos em que nós mesmos nos envolvemos.  A vida toma rapidamente novos rumos...

quinta-feira, maio 12, 2011

terça-feira, maio 10, 2011

Divagações ...

No vento que passa, no ar que respiro de um tempo inacabado ou de um simples gesto disperso, fruto de  suspiro que dá (em) um nada concreto e perverso a um sentir absoluto, num silêncio absurdo...
São palavras soltas ao vento, que pairam no ar, palavras presas no tempo, suspensas num pretenso luar...

(in)Difference