segunda-feira, dezembro 13, 2010

Constatação da noite

Curioso como tudo (me) parece inevitavelmente (tão) previsível...

Um comentário:

João disse...

lindíssimo. arrebatou-me por completo!